Sobre a crise de saúde

Hoje é dia 11 de Março e estamos em meio de uma pandemia.

Custa-me a perceber que só a palavra pandemia decretada hoje pela OMS, funcione como alerta, que só agora as pessoas comecem a pensar ir para casa e que o sentido cívico pouco tenha funcionado até agora.
Como Mãe e Cidadã, mesmo sem qualquer virus ou suspeita, resolvi ficar em isolamento voluntário desde há 2 semanas para proteger os meus filhos e todas as outras pessoas, que conheço e que não conheço.
Para não sobrecarregar os sistemas de saúde, para que estes possam continuar a funcionar em pleno na salvação dos acidentes ou dos Avcs de todos os dias.

A isto não chamo entrar em pânico, a isto não chamo histeria. Chamo-lhe responsabilidade social e humanidade para com aqueles que efectivamente precisam de cuidados de saúde.

A isto chamo, ultrapassarmos “isto” o mais rápido possível, se todos contribuirmos desde cedo.

Assim irei continuar enquanto puder, porque serei sempre por uma Sociedade mais empática, compassiva e de maior entreajuda.

Peço-vos que façam a vossa parte.
E que desta crise de saúde, retiremos lições para um mundo melhor.

Aqui fica a minha mensagem em vídeo, esperando ajudar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s